sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

MMFB TRAVELS | Amsterdão: um amor inesperado - part.III

últimos relatos de 3 dias e meio incriveis

Dia 3: este foi o nosso dia em slow motion e provavelmente por isso o meu favorito. Inicialmente tínhamos o plano de acordar cedo e ir até à estação central para apanhar o autocarro para a zona dos moinhos, Zaanse Schans, mas pela primeira vez ficamos na cama até mais tarde (tínhamos estado a acordar todos os dias às 8h) e só saímos lá para as 10h. Soube bem obviamente, andávamos super cansados de andar imenso todos os dias e é sempre bom ficar na ronha, nem que seja apenas mais duas horas do que o suposto!
Depois de finalmente sairmos do hotel decidimos voltar à zona do mercado - Albert Cyup - para comprarmos umas lembranças para a família. A minha avó é super fã de ímans para pôr no frigorífico por isso comprei-lhe um e ainda comprei uns queijos e umas bolachas típicas (aquelas que têm caramelo por dentro, se colarem no microondas antes é uma delicia!).
Ainda demos umas voltas numas quantas bancas de roupa onde o F. comprou uns casacos e começamos a andar em direcção a norte e quando demos por nós estávamos outra vez em Koningsplein (a zona do mercado das flores).


Decidimos procurar uma coffeeshop que se chama Dampkring porque é das mais famosas na cidade já que o elenco do filme Ocean's Twelve passou lá imenso tempo durante as gravações do filme. Encontrámos obviamente mas nenhum de nós estava com uma vontade imensa de entrar por isso decidimos ir à procura de um sitio para almoçar e acabamos por encontrar um restaurante fantástico com paredes de vidro onde comi uma massa fabulosa! Chama-se Caffe Esprit e vale a pena e melhor de tudo? Zero caro.
Após o almoço passamos a tarde na zona de Rembrandtplein e ao pé do Hortus Botanicus. Acho que este foi o dia que tirei menos fotografias! Talvez por estar tão inebriada com o que estava a conhecer que nem me lembrei de tirar imensas pics como estou habituada.


 Passamos pela casa do Rembrandt e ficamos ali durante um tempo sentados num banquinho de jardim ao pé do Hortus Botanicus enquanto falávamos e apenas víamos o tempo passar! Sabe bem apreciar e observar as cidades assim, como se tivesse em "casa", sentada num sitio qualquer com os amigos.
Mais para o fim da tarde decidimos ir até ao hotel para deixarmos as compras que tinhamos feito e passamos por mais uma zona engraçadissima com montras de partir a rir como esta em baixo.


Acho o máximo eles não terem problemas em dizer certas coisas ou mostra-las. O sexo (ou drogas) é tão normal para eles que estão-se completamente a borrifar se têm coisas com palavras tipo pussy ou dick ou whatever em sitios públicos. Não era tão melhor se as pessoas deixassem de ser tão uptights e sempre tão severas com coisas naturais? Sei lá, é o meu momento filosófico no meio deste post de viagens mas irrita-me imenso as pessoas serem tão cocozinhas com o sexo ou com a nudez. Irrita-me!
Anyways, depois de irmos ao hotel fomos até Dam para eu ir à Footlocker comprar um chapéu da New Era que já queria há imenso tempo e toda a gente, mas toda a gente em Amsterdão tinha e então tive que ceder à pressão e comprar o meu ali mesmo haha! Foi €4 mais caro do que se fosse aqui em Portugal mas oh well, fica como se fosse um souvenir de mim para mim!
Depois de sairmos dessa zona mais comercial voltamos a descer porque o F. queria ir a Spuin para comprar umas coisas para os amigos numa loja que havia lá e eu agradeci 300 vezes porque para além de ser a minha zona favorita ainda estava a cismar com aquele colar que me era impossível comprar.


Acabei por conseguir encontrar um colarzinho amoroso numa loja à frente do Amsterdam Museum! É rose gold e é óptimo porque é banhado a ouro ou seja posso tomar banho com ele sem qualquer problema, não tenho que me preocupar se vai perder a cor. O pendente é aquele olho da Chiara Ferragni sabem? Adoro-o e já vi tatuagens super giras com este desenho! 
Acabamos por nos sentar na New Times Coffeeshop - a minha favorita em Amsterdão - e comprei dois space cakes um médio e um forte. Bem, o médio não me fez nada talvez por já estar habituada aos outros das outras lojas que eram mais fortes mas o outro funcionou e bem! Ficamos por lá a beber um chá e basicamente a ver o sol pôr-se na cidade.


Jantamos na zona, num italiano - para não variar - e fomos até à Royal Queen Seeds e ainda passamos na zona da Sensi Seeds onde têm umas plantações (ok, não são umas plantações a sério, são tipo uns vasos com vários diferentes tipos de plantas para as pessoas verem) e um museu. Sítio giro e diferente para recordar, mas que não faz muito o meu género porque interesso-me zero por erva para ser sincera mas como o F. queria ver, às vezes temos que fazer a vontade aos nossos queridos namorados (mas só às vezes ahha!). 

Dia 4 - Tinha chegado o último dia nesta cidade maravilhosa, cidade essa que eu estava mais que desgostosa por abandonar. Juro, adorei! Não queria mesmo ir-me embora já. Fizemos o checkout do hotel e fomos para a Estação Central onde tomamos o pequeno almoço num cafézinho francês com direito a concerto de uma pianista (está no meu instastories!).
Depois disto estava na hora de dizer adeus e entrar no comboio em direcção a Eindhoven para embarcarmos no voo para Lisboa.


A viagem faz-se super bem, demora tipo 1h30 e depois têm um shuttle que vos leva até ao aeroporto que demora 15/20 min. O aeroporto não tem nada para fazer ou ver por isso não vos aconselho a irem muito tempo antes senão vão ficar à seca como eu e o F.

O que é que eu posso dizer desta viagem? Adorei simplesmente. Já estou a pensar na próxima vez que poderei voltar a esta cidade maravilhosa! Provavelmente irei fazê-lo quando já estiver calor porque Deus me livre aguentar aquelas temperaturas da Antárctida outra vez! Mas aconselho-vos tanto a visitarem Amsterdão, se estiverem à procura de um sitio para ir escolham esta cidade, é mais que maravilhosa e cheia de coisas para ver e descobrir!

Amsterdão, roubaste-me o coração!
Irei voltar, sem dúvida!


PS: todas as fotografias são da minha autoria, NÃO USAR sem pedir autorização previamente

PS2: sabem quem é que faz anos amanhã? Eu mesma! 

12 comentários:

  1. É uma das viagens que não morro sem fazer. Adorei o post :)
    https://stateofgracebymargarida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Świetny post <3 bardzo mi się podoba :* oraz super blog :) obserwuję i zostaję tu na dłużej :D zapraszam http://mysterious-natalia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. Estou aqui a roer-me de inveja!!! *_*
    Beijinho* e boa viagem!
    http://www.fine-alchemy.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. Gostei bastante desta série!
    Foi muito bom poder conhecer a cidade e os seus recantos através das tuas fotografias e palavras!

    Beijinhos!
    MESSY GAZING

    ResponderEliminar
  5. Gostei do teu relato da viagem, é uma cidade que eu quero visitar :)

    ResponderEliminar
  6. Adorooo!! A minha irmã neste momento está de férias em Amesterdão e vai percorrer a Holanda. Tem-me mostrado fotos e adoro! Acho que também vou tentar lá ir este ano!

    ResponderEliminar
  7. Que delicia, acho que uma das coisas mais maravilhosas do mundo, é quando um dia incrível passa em SLOW MOTION!

    https://clebereldridge.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  8. Espero um dia poder visitar ;) Que bons registos fotográficos
    https://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. Adorei, achei o máximo a fotografia do saco rosa!
    Beijinho

    doce-branca.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  10. Ver as tuas fotos no instagram e agora a publicação só me deixa com ainda mais vontade de visitar a cidade!!!! Tem de acontecer mesmo muito soon

    ResponderEliminar
  11. Adorei ler estes teus posts sobre Amesterdão, a ver se é este ano que vou lá :)

    ResponderEliminar
  12. Depois destas publicações fiquei com tanta mas tanta vontade de visitar. E ao ler senti-me a viajar também :)
    As fotografias estão mesmo fantásticas.

    ResponderEliminar